Pular para o conteúdo principal

A Raposa e os Gansos

A Raposa e os Gansos (veja na íntegra o histórico em www.jogos.antigos.nom.br)A Raposa e os Gansos é um dos representantes mais conhecidos dos jogos de caça ou perseguição. Jogado na Inglaterra pelo menos desde o século XV, o jogo é encontrado em diversos países, às vezes com outros nomes como A Raposa e as Galinhas (na França e na Alemanha) e O Lobo e as Ovelhas (na Itália, Holanda, Suécia e Rússia).
Regras
Dois jogadores se enfrentam num tabuleiro em forma de cruz. Um deles com 13 gansos e o outro com uma raposa. Os gansos são dispostos como na figura. A raposa pode ser colocada em qualquer casa vaga. Os gansos jogam primeiro.
Tanto a raposa como os gansos podem se deslocar em qualquer direção, ao longo de uma linha, para um ponto vizinho. Se a raposa pular um ganso e parar no ponto seguinte a ele, desde que esteja vago, considera-se que o ganso foi morto e ele é retirado do tabuleiro. Dois ou mais gansos podem ser mortos em um mesmo lance por uma série de saltos da raposa. Os gansos não podem matar a raposa; seu objetivo é tentar cercá-la, deixando-a sem movimento. Se a raposa for imobilizada, ela perde. Mas se ela comer tantos gansos que o bando não puder mais cercá-la, ela vence.
Há diversas variantes do jogo. Em algumas os gansos não podem se mover na diagonal. Em outras eles não podem retroceder. Variam também o número de gansos e o tamanho do tabuleiro.
Observação: Depois de algumas partidas, você poderá chegar a conclusão de que o lado que joga com os gansos é favorecido e, caso não cometa nenhum erro, fatalmente vence. Para resolver o problema e manter o interesse do jogo, você pode jogar 2 partidas em 2 tabuleiros simultaneamente, numa como raposa e na outra com os gansos. Tente vencer o mais rápido possível com os gansos e segurar o jogo com a raposa. Vale o resultado da partida que se definir primeiro. Outra opção é jogar uma vez com a raposa e outra com os gansos e anotar o número de lances necessários para vencer. Aquele que conseguir no menor número de lances é o vencedor.

Postagens mais visitadas deste blog

Tsoro Yematatu - Um jogo do Zimbábue

Tsoro Yematatu
Pronuncia-se: TSOH-roh YEH-mah-TAH-too

OBJETIVO: Ser o último jogador a fazer uma linha com três peças suas.

NÚMERO DE JOGADORES: 02

MATERIAL:

- O tabuleiro do jogo
- 03 peças pretas
- 03 peças claras

REGRAS DO JOGO:

- Cada jogador pega 03 peças da mesma cor;
- Na sua vez, Cada jogador coloca uma peça sua no círculo do tabuleiro que ainda não foi ocupado;
- Quando todas as 06 peças (três de cada jogador) estiveram nos seus devidos lugares, move-se uma peça por vez, de um círculo a outro que esteja vazio, em linha reta.
- Cada jogador só pode ocupar um único circulo por uma de suas peças.
- Ganha quem primeiro alinha as suas três peças em linha reta, de acordo com as retas que ligam os círculos.


Bibliografia consultada:

Zaslavsky, C. (1998). Math games and activities from around the world. Chicago. Chicago Review Press.

TRILHA OU MOINHO

Trilha, também conhecido como Moinho, é um dos mais famosos dentre aqueles jogos em que se procura um alinhamento entre as peças, como o Gomoku, Jogo da Velha, Gnu, entre outros.

Diz-se que o tabuleiro da "Trilha" seria uma representação fenícia de seu império: o tabuleiro quadrado representando o mar, seu universo de conquistas; a casa central do tabuleiro, sendo Tiro, a capital fenícia; e as outras casas sendo as colônias fenícias, como Cádiz (Espanha) e Cartago (norte da África).

O objetivo neste jogo é buscar o alinhamento de 3 peças o que lhe dá o direito de capturar qualquer peça do adversário que não esteja em alinhamento. Ganha aquele jogador que tirar tantas peças do seu adversário tal que não haja mais possibilidades de alinhamento. Há, neste jogo 3 fases distintas. A primeira fase é o posicionamento das peças no tabuleiro, a segunda é a movimentação das peças para pontos adjacentes e a terceira fase, é a movimentação livre das peças, ou seja, não necessariamente pa…

QUEBRA-CABEÇAS DE METAL (PUZZLES EM METAL)

Extraido de www.matematica.no.sapo.pt estes puzzles, como são chamados os quebra-cabeças, fascinam pela quase impossibilidade de solução. Apresento o texto que extrair, na íntegra e sem a devida permissão de seus autores, do site mensionado e espero que se divirtam com tantas variedades de puzzles.


"Apresentação dos puzzles em metal "

Quem alguma vez teve que deslocar uma mesa de uma casa para outra ou ao longo de um corredor, sabe que o espaço tridimensional reserva algumas surpresas que quotidianamente passam despercebidas. Estas surpresas são bem conhecidas dos "viciados" na resolução/construção de puzzles de metal. Estes antigos ( e sempre atuais ) jogos artesanais consistem numa estrutura composta por duas ou mais peças de metal (fig. 1). Deste conjunto de peças entrelaçadas, o jogador deve separar uma delas - a peça problema - do resto do conjunto - a estrutura suporte - sem fazer deformações ou cortes.
A primeira impressão que temos quando confrontados com um pu…